O futuro da condução está definindo o futuro do transporte

São Paulo – Quando Tetsuya Iijima, Gerente Geral do Departamento de Desenvolvimento de Tecnologia de Unidade Autônoma da Nissan Motor Co., Ltd., prevê o futuro da mobilidade, ele não está pensando apenas em como a condução autônoma terá impacto sobre a experiência de estar "atrás do volante", mas como ajudar a sociedade a se preparar para isso.

Relatório recente do The Boston Consulting Group descobriu que aqueles que têm preocupações sobre veículos autônomos muitas vezes se baseiam em três principais fatores:

  • Confiabilidade
  • Cyber segurança
  • Interação segura

Para ver a condução autônoma integrar-se plenamente à vida cotidiana, é fundamental resolver os muitos desafios tecnológicos e também a aceitação social a esta tecnologia. "As pessoas precisam ter uma mentalidade positiva para introduzir a tecnologia do autônomo, diz Iijima. Para os consumidores, a adoção de novas tecnologias é uma questão de confiança, e o essencial para isso é o conhecimento.

De acordo com Iijima, "Para a sociedade mudar a opinião defensiva de hoje, as pessoas precisam entender que isso é bom para o seu futuro. Em seguida, os clientes precisam entender o que a tecnologia pode oferecer."

Apesar de ser um assunto cada vez mais recorrente nos dias de hoje na indústria automobilística, a tecnologia autônoma para veículos não é um conceito novo para a Nissan, que tem longa história de introdução de sistemas avançados de assistência ao condutor.

Iijima começou na Nissan trabalhando em suspensão controlada eletricamente, que consiste em os carros reagir mais rapidamente e absorver mais solavancos do pavimento. Ele também ajudou no desenvolvimento do pioneiro controle de cruzeiro adaptativo da Nissan e dos sistemas de prevenção de saída de pista e de frenagem de emergência. Todas eram tecnologias antes desconhecidas, mas amplamente adotadas atualmente e que têm ajudado na transformação do transporte por automóveis. 
Graças a uma história de inovação, a Nissan está adotando uma abordagem passo-a-passo na introdução de tecnologias de condução autônoma no mercado. E é exatamente o foco que Iijima vê na transformação dessa tecnologia para o futuro.