Nissan Sentra é escolhido melhor sedã médio em pesquisa com proprietários

  • Modelo obteve melhor avaliação na categoria na pesquisa anual "Os Eleitos 2016", revista Quatro Rodas
  • Desempenho, espaço interno e porta-malas foram alguns dos pontos elogiados
  • Sedã da Nissan ficou em 4º lugar na mesma pesquisa do ano passado

Rio de Janeiro – O Nissan Sentra, cuja linha 2017 foi lançada em maio deste ano no mercado brasileiro, foi o vencedor da categoria "sedãs médios" da pesquisa "Os Eleitos", da revista Quatro Rodas, que, anualmente, ouve proprietários para saber quais carros agradam mais os clientes. O modelo, que superou concorrentes tradicionais do segmento, com décadas de presença no mercado brasileiro, sagrou-se campeão desta pesquisa pela primeira vez. Os proprietários consideraram como pontos fortes do Nissan Sentra o desempenho do seu motor 2.0, o espaço interno do carro e a capacidade do porta-malas.

Além disso, também foram lembrados atributos como facilidade de acesso aos comandos, oferta de equipamentos, tamanho da rede de concessionários, confiabilidade da marca Nissan, tecnologia embarcada, conforto, design e boa relação custo-benefício. Na edição 2015 da pesquisa "Os Eleitos", o Nissan Sentra havia conquistado a quarta colocação contra os mesmos concorrentes.

Em junho, o Nissan Sentra já havia sido escolhido como a melhor compra no segmento de sedãs médios pelo terceiro ano consecutivo pelo guia de compras "Qual Comprar 2016", publicado anualmente pela revista Autoesporte, da editora Globo, uma das mais importantes publicações brasileiras especializadas em automóveis.

As principais novidades do Novo Nissan Sentra 2017, lançada em maio, são o novo design, o quadro de instrumentos TFT (Thin Film Transfer) e equipamentos como o novo sistema de som Bose e itens de segurança, como o "Safety Shield", conceito da Nissan que reúne três avançados sistemas: Alerta de Ponto Cego (Blind Spot Warning - BSW), Alerta de Colisão Frontal (Forward Colision Warning – FCW) e Alerta de Tráfego Cruzado Traseiro (Rear Cross Traffic Alert - RCTA).

A Nissan também reforçou o nível de equipamentos de série em todas as versões. O modelo de entrada S troca o câmbio manual pela transmissão continuamente variável CVT e também passa a ser equipado com sistemas de controle de estabilidade e tração (VDC), equiparando-se às versões intermediária SV e topo de linha SL. Passaram a fazer parte do pacote de itens de série ainda o retrovisor foto cromático, o novo rádio com display de 5 polegadas, o sensor de estacionamento e os faróis com acendimento automático (antes disponível somente para a SL).