Nissan reporta resultados dos nove primeiros meses do ano fiscal 2016

 

YOKOHAMA, Japão – A Nissan Motor Co. anunciou nesta quarta-feira os resultados financeiros para o período de nove meses, até 31 de dezembro, do Ano Fiscal 2016.

"Nos primeiros nove meses do ano fiscal, a Nissan gerou lucro operacional de 503,2 bilhões de ienes, o que representa uma margem de 6,1% da receita líquida de 8,26 trilhões de ienes", disse o CEO global Carlos Ghosn. "Embora esse resultado reflita as contínuas dificuldades cambiais, continuamos confiantes em alcançar os objetivos do nosso ano fiscal."

"Com base nas taxas médias de câmbio da moeda, o lucro operacional cresceu 30,1% para 764,6 bilhões de ienes, o equivale a uma margem de lucros de 8,1%. O desempenho contou com a ajuda da forte demanda por nossos produtos nos Estados Unidos, na China e Europa Ocidental, além dos benefícios de nossos rígidos controles de custos e das sinergias estratégicas de nossa Aliança."

Destaques dos nove meses do Ano Fiscal 2016

A tabela abaixo resume os resultados financeiros da Nissan para o período de nove meses do ano fiscal, até 31 de dezembro de 2016, calculados de acordo com o método contábil para a joint venture na China.

Fiscal Year 2016 Nine-Month Financial Highlights to December 31, 2016
(TSE report basis – China JV equity basis)1


Ienes em bilhões

FY9M 15

FY9M 163

Variação percentual ano a ano

FY9M 16 em taxas médias de câmbio

Variação% em taxas médias de câmbio

Receita líquida

8.943

8.264,8

-7,6

9.426,1

+5,4

Lucro Operacional

587,5

503,2

-14,3

764,6

+30,1

Margem %

6,6

6,1

-0,5

8,1

+1,5

Lucro ordinário

631

590,2

-6,5

N/A

N/A

Resultado líquido2

452,8

414,2

-8,5

N/A

N/A

Em uma base de gerenciamento proforma, que inclui os resultados das operações da Nissan na China, a receita líquida no período foi de 9,01 trilhões de ienes. O lucro operacional foi de 601,9 bilhões de ienes. A margem de lucro operacional foi de 6,7%.

Em uma taxa de câmbio constante, as receitas líquidas proforma foram de 10,34 trilhões de ienes e o lucro operacional de 882,2 bilhões de ienes, o que equivale a uma margem de lucros de 8,5%.

Resultados de vendas

Nos primeiros nove meses do ano fiscal, a Nissan vendeu um total de 3,99 milhões de unidades, um crescimento de 2,6%.

Nos Estados Unidos, as vendas da Nissan cresceram 4,2%, para 1,16 milhão de unidades, o que equivale a 8,7% de participação de mercado, graças à forte demanda pelo SUV Rogue e o sedã Altima.

A unidade de vendas da Nissan na China, que tem como base o ano calendário de 2016, registrou alta de 8,2%, com 929 mil veículos comercializados, equivalente a 5% de participação de mercado. Na Europa, excluindo a Rússia, as vendas subiram 5,5%, para 474 mil unidades, o que levou a 3,6% de participação. Os SUVs Qashqai de X-Trail ajudaram no crescimento da demanda na região.

O desempenho da Nissan nesses mercados-chave ajudou a compensar condições desafiadoras no mercado japonês. As vendas unitárias totais no período de nove meses para o Japão foram de 344 mil unidades, representando uma participação de mercado de 9,8%. Em outros mercados, incluindo Ásia e Oceania, América Latina, Oriente Médio e África, as vendas da Nissan diminuíram 3,9% com 596 mil unidades.

Perspectivas

"Esperamos entregar sólidos ganhos e gerar forte fluxo de caixa livre para o ano fiscal de 2016", disse Ghosn. "O Conselho continua empenhado em aumentar o dividendo do ano inteiro em 14,3% com 48 ienes por ação".

A Nissan espera vender 5,6 milhões de unidades neste ano fiscal, um aumento de 3,3% em relação ao ano fiscal de 2015. Com base nessa perspectiva de vendas, a Nissan manteve as previsões emitidas pela primeira vez para a Bolsa de Tóquio em maio de 2016. Calculado pelo método de equivalência patrimonial para o ano fiscal. Terminando em 31 de março de 2017, as previsões mostraram:

Perspectiva para o Ano Fiscal 2016 – com base no relatório da TSE – baseado no método contábil para a joint venture da China JV1

Receita líquida

11,8 trilhões de ienes

Lucro operacional

710 bilhões de ienes

Lucro ordinário

800 bilhões de ienes

Resultado líquido2

525 bilhões de ienes

                   
Para informação detalhada e apresentações sobre os resultados financeiros da Nissan, acesse: 
www.nissan-global.com/EN/IR/FINANCIAL/

1Desde o início do ano fiscal 2013, a Nissan tem reportado dados calculados com base no método de consolidação contábil proporcional para sua joint venture com a Dongfeng, na China. Embora a receita líquida apresentada permaneça inalterada sob este método contábil, as declarações de renda registradas por equivalência patrimonial não incluem os resultados da Dongfeng relacionados a receitas e lucro operacional. 
2Lucro líquido atribuível aos acionistas da controladora.
3 Com base na media das taxas de câmbio do iene, de JPY 106.6/USD and JPY 118.0/EUR